Home BrasilSudeste Quanto mais exótico melhor

Quanto mais exótico melhor

por Arthur Bernardes
exótico

A atração por óculos exótico e diferente não é uma novidade na vida da fundadora da Moon. Apesar de Lara Lima ter escolhido a fotografia como profissão, ela é uma designer gráfica de formação. A paixão por óculos veio bem cedo, Lara não se esquece de uma foto quando ainda era criança com um óculos arredondado de lentes azuis. A Moon teve incio em meados de 2011, até então a fotógrafa morava na Irlanda e sempre que tinha um tempo livre, gostava de visitar brechós. O start foi através de uma curadoria de óculos exótico para o uso próprio, para compor os próprios looks.exótico

Ainda pulsando em seu DNA o desejo de desenhar, Lara desenhou o seu primeiro óculos. A sua primeira criação foi nomeada como “Bendito”, tinha lentes arredondadas, o que já era fora do padrão. A designer relata ainda que “Lá atrás, se você visse  de um óculos arredondado, era da Moon. Na época, essa moda ainda não tinha voltado”. Dessa forma uniu a paixão pelo acessório e os conhecimentos adquiridos em sua formação como design gráfico.

A chegada no Brasil e o sucesso dos óculos exótico

Ao chegar no Brasil, Lara começou a sentir o tanto que seus óculos estavam sendo cobiçados por seus amigos. As pessoas mais próximas sempre manifestavam o interesse de ter um óculos exótico como os que Lara usava. Toda vez que viajava a fotógrafa sempre escolhia a dedo os óculos para comercializar. Quando Lara percebeu já estava imersa nesse universo comercial das lentes. Em 2013 a recente empreendedora descobriu uma fabrica situada a cerca de 100 km da capital mineira.

Ainda sem muitos recursos Lara topou o desafio e fez o primeiro óculos de desenho próprio e fabricado no Brasil da Moon. Após realizar esse grande feito e dar um passo enorme em seu negócio e com o aumento das demandas, jovem empreendedora sentiu a necessidade de se preparar. Paralelamente com os desafios do cotidiano, Lara procurou programas de estudos de viabilidade para entender como um negócio funcionava e que poderia ser rentável de verdade. Naquela altura, meados de 2014 nao tinha nenhuma marca conhecida que fosse fabricado no Brasil.

Crescimento em números e distribuição

Hoje, são mais de 70 modelos, entre femininos e masculinos, clássicos e exótico, todos com algum detalhe diferente. Lá em 2011 era só uma curadoria, em 2014 o nascimento do primeiro óculos.exótico O pico dos desenhos e fabricações se deu em 2017, o que se mantém até hoje, alcançando uma produção de 350 óculos por mês. A distribuição dos óculos é feita  de diversas maneiras, mas com um objetivo comum: disseminar o conceito. A Moon tem loja própria, e fornece a lojas parceiras que atuam no atacado, no varejo e até mesmo online. Um outro ponto importante é a participação em eventos e uma loja temporária chamada de Pop Up Store.

Grandes experiencias e conquistas

A Moon tem se aproximado cada vez mais das passarelas. No ano passado, a marca participou do desfile de abertura do Minas Trend e fez duas aparições na São Paulo fashion Week. ” Já tem cinco temporadas que faço São Paulo Fashion Week e nunca desfilei nada antigo. Isso me obriga a fazer modelos novos e comecei a usar os desfiles como catálogo”. Lara ainda destaca outra experiencia marcante na passarela com a estilista de roupas vegana Renata Buzzo, que integra o line- up da casa de Criadores, em São Paulo. Em uma iniciativa inédita, a Moon, acostumada a utilizar principalmente acetato, desenvolveu óculos a partir do caroço de algodão. O material se transforma em uma chapa resistente que fica com aparência de papel reciclado e tem melhor custo/benefício. O trabalho foi apresentado em fevereiro na Milão Fashion Week.

Agora é a vez do exótico e do diferente

Para o fortalecimento da marca, Lara vem utilizando algum de seus feitos e aparições como um catalogo de produtos. A ideia é transformar esse sucesso em um modelo de franquia e crescer a marca pelo Brasil. É uma prioridade e faz parte do processo de expansão, começar com algum modelo de inovador em shoppings.

A Moon é uma marca originalmente mineira que vem trilhando um caminho de sucesso. Fortalecendo seus conceitos e não exitando em tentar o novo. Lara Lima além de fotografa e designer é uma grande empreendedora e tem um grande negócio, e se é um bom negócio passa por aqui.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais

×

Powered by WhatsApp Chat

×