Home Franquia Manual de franquias o que precisa saber

Manual de franquias o que precisa saber

por Rodrigo Campelo
Manuais de franquias o que deve conter em cada um deles

Existe uma grande dificuldade na venda da concepção do modelo de negócios principalmente sobre os manuais. O manual de franquias o que precisa saber?

A primeira coisa é que os manuais de franquias refletem a organização e a capacidade de padronização de uma franqueadora.

A segunda coisa é que eles servem como guia para a rede de franquia e precisam estar presentes no cotidiano da empresa.  Eles devem contar com todas as informações que o franqueado precisa para tocar o negócio de maneira independente, mas sem ferir o padrão da marca.

Os principais manuais de uma franqueadora são:

MANUAL INSTITUCIONAL

Ele serve para que o franqueado conheça mais a fundo a história da marca. O Manual Institucional deve discorrer sobre a missão, a visão e os valores da franqueadora. Também deve deixar claro como a instituição é organizada internamente, além de estabelecer os deveres dos novos parceiros de negócio.

MANUAL PARA IMPLANTAÇÃO

Este manual define o passo a passo que deve ser seguido na fase pré-operacional. A etapa abrange o período entre a assinatura do contrato de adesão e a efetiva inauguração da unidade. O Manual de Implementação deverá trazer a relação de documentos necessários para a constituição da empresa. Irá apresentar dicas de como abrir a conta-corrente da unidade e contratar eventuais seguros. Poderá auxiliar o franqueador a escolher o melhor ponto para o negócio, instituir um projeto arquitetônico que consiga adaptar o modelo do prédio à identidade visual da marca, além de orientar na compra de mobília, equipamentos e do estoque inicial.

MANUAL OPERACIONAL

Criado a partir da experiência adquirida na unidade sede, o Manual Operacional funciona como uma espécie de bíblia da franquia. Nele, o franqueador irá descrever todos os processos operacionais que deverão ser seguidos pelas unidades.

Portanto, é fundamental que todas informações estejam devidamente detalhadas. O documento deve fornecer todas as informações necessárias para que o operador consiga otimizar os processos, utilizar os recursos de forma eficiente e melhorar continuamente os produto e serviços oferecidos aos clientes.

MANUAL DE MARKETING

As ações relacionados à imagem da marca perante o público são as que contam com maior grau de padronização. Isso significa que a maioria dos planos de marketing deverão seguir normas e padrões determinados pela franqueadora.

Para garantir o alinhamento entre as unidades, o Manual de Marketing deverá estabelecer quais ações os franqueados poderão executar individualmente, apontando os formatos e canais que deverão ser utilizados.

Também irá discorrer sobre as reservas de mercado e produto, definir as regras para divisão de territórios e prospecção de novos clientes.

MANUAL FINANCEIROManuais de franquias o que deve conter em cada um deles

Este documento tem como objetivo ensinar aos franqueados os principais conceitos de gestão financeira e mostrar como estas regras deverão ser aplicadas na unidade.

O Manual Financeiro irá ensinar o operador a controlar as entradas e saídas de recursos, administrar o capital de giro, gerir o estoque, negociar com fornecedores, planejar as finanças a médio e longo prazo.  É sempre bom lembrar que o resultado financeiro é o maior indicador de sucesso em um negócio.

MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS

O objetivo deste manual é orientar o operador para uma correto recrutamento, seleção de pessoas e gestão da equipe. Ele deverá definir as competências dos colaboradores, além de descrever a estrutura de cargos e suas respectivas funções dentro da unidade de franquia.

O Manual de Gestão de Pessoas orientará a integração de novos funcionários e estabelecer formas de incentivo para os atuais. Também irá estabelecer as políticas de higiene, segurança e qualidade de vida no trabalho.

Manuais de franquias o que deve conter em cada um delesMANUAL DE BOAS PRÁTICAS

Este manual servirá como uma ferramenta de gestão da qualidade. Ele irá orientar o operador a aprimorar seus serviços continuamente, de forma a atender todas as necessidades dos clientes. Além disso tem o papel de evitar erros na produção de produtos e entrega de serviços, o Manual de Boas Práticas também visa destacar as formas como os funcionários de uma loja devem se portar entre si e com os consumidores.

LEMBRE-SE: Sempre comunique tudo a seus franqueados

Independentemente do quão completos sejam o seu manual para franquias, é indispensável que você mantenha uma comunicação contínua com os franqueados. Afinal de contas, são eles que estarão à frente da operação e vão poder sugerir melhorias nos processos da rede.

O manual é um documento da empresa. Essa documentação evita o improviso e garante que os franqueados tenham acesso a técnicas e procedimentos testados e aprovados. Com os manuais em mãos, os franqueados podem conferir as informações sempre que tiverem dúvidas. Além disso, é importante revisar todos os manuais nos treinamentos, para que todos os conhecimentos fiquem claros e nenhum processo fique em aberto.

===================================================================================================Gostou deste conteúdo? Visite o portal, e descubra que existem muitas informações importantes que podem te ajudar a tomar a melhor decisão na hora de empreender.  Compartilhe com amigos e familiares e siga a gente nas redes sociais. A Negócio e Franquia está no Instagram, no Linkedin.  Você pode acompanhar no canal do Spotify e até mesmo baixar as músicas do Playlist do empreendedor. Se inscreva no Canal do Youtube e acompanhe a coluna independente na Rádio Super FM.

Posts Relacionados

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais

×

Powered by WhatsApp Chat

×