Home RegiõesCentro-Oeste Franquia é um bom negócio?

Franquia é um bom negócio para se investir? Depende. Qualquer pessoa que disser diferente, desconfie dela. Depende do seu tipo de investidor e principalmente do segmento que tem aderência ao seu perfil. Não dá para generalizar.

Quando a gente fala de franquia é importante analisar caso a caso. Saber quais são seus planos. Você trabalha em algum lugar e pretende começar a ter o próprio negócio ou é do tipo que busca sempre algo novo para ampliar o trabalho?

É fundamental que você saiba exatamente que tipo de investidor é. Se é conservador, moderado ou arrojado. Assim como na bolsa de valores é preciso entender o seu perfil para depois definir quais os segmentos que tem aderência ao que você gosta de fazer.

Afinal de contas, lembre-se que, ficará mais tempo dentro do seu negócio do que com sua família ou amigos. Se tem receio disso, melhor estudar mais e pensar muito mais.

Tipos de Perfil de quem compra franquia

Mas existe alguns modelos de franquias com tem mais chance de combinar com o perfil de comprador de franquias.

  1. Conservadores

    São pessoas preferem comprar franquias que oferecem baixo risco. Isso acaba influenciando seus objetivos, que normalmente está focado em não perder nada e, assim, preservar seu patrimônio.

    Diante desse cenário, é comum que o investidor conservador seja alguém com mais de 40 anos, que preza pela segurança do que acumulou durante os anos, ou então é alguém que está começando agora, então tem mais medo de se arriscar por causa da falta de experiência.

  2. Moderados

    Esse perfil é daquele que seria como um meio termo entre quem é muito conservador e quem é muito arrojado. O interessado em comprar franquia de perfil moderado é uma pessoa que ainda mantém forte interesse pela segurança, mas está disposto a abrir mão de parte dela às vezes para ter retornos melhores.

    Isso significa que alguém moderado pode, eventualmente, olhar franquias com rentabilidades diferentes do padrão apresentado pela maioria dos franqueadores. Em muitos casos, um perfil moderado já tem um pouco mais de conhecimento sobre o mercado e está no processo para fazer seu patrimônio crescer.

  3. Arrojados

    É o mesmo que dizer que gosta de arriscar. Tem uma máxima na bolsa de valores que diz “quem mais arrisca, mais ganha”. Os perfis arrojados estão mais maduro para entender a dinâmica do mercado de franquias.

    Alguém arrojado costuma ser mais experiente e não se abala facilmente por eventuais perdas, porque entende que o saldo final, no médio ou longo prazo, os ganhos vão compensar tudo.

    Essas perdas não significam que quem se enquadra nesse perfil investe sem muita estratégia. Pelo contrário, essa pessoa entende melhor o mercado e tem visão estratégica para aproveitar as pequenas oscilações do dia a dia para realizar lucros.

    Além disso, vale destacar que o arrojado também pode ter uma parcela menor do seu capital investido e não dependem exclusivamente desse modelo de negócios.

Acompanhe as nossas redes sociais. Siga a gente no Instagram da Negócio e Franquia e veja mais sobre esse tema no nosso canal do youtube

related posts

1 comment

Abrir uma Franquia ou negócio próprio? - Negócio e Franquia 10 de julho de 2020 - 11:15

[…] se abrir um negócio, aí sim, o empreendedor deverá analisar se vale a pena abrir um negócio próprio ou franquia. Está e uma análise que sempre aparece ao montarmos uma empresa, seja ela a primeira ou mais um […]

Resposta

Deixe um comentário

×