Home Notícias Corporativas Produção industrial no Nordeste supera média nacional

Produção industrial no Nordeste supera média nacional

por DINO
0 comentário

A produção industrial brasileira apresentou uma leve queda em janeiro de 2023, registrando uma retração de 0,2% no cenário nacional, conforme apontado pela Pesquisa Industrial Mensal (PIM), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no dia 06 de abril. Entretanto, a região Nordeste do país mostrou um desempenho diferente, com um aumento médio de 6,1% na produção industrial.

O estudo também revelou que houve recuo na produção industrial em oito estados no primeiro mês de 2023, sendo os maiores resultados negativos observados no Rio Grande do Sul (3,4%), São Paulo (3,1%) e Mato Grosso (2%). Outros estados que apresentaram queda foram Rio de Janeiro (1%), Santa Catarina (1%), Pará (0,4%), Paraná (0,3%) e Bahia (0,2%).

O IBGE atribuiu parte dessa retração à prática comum das férias coletivas na indústria automobilística em janeiro, que resulta na queda de produção. Além disso, o desabastecimento de insumos e o encarecimento de matéria-prima têm causado impacto no ritmo da produção, gerando cautela no setor.

A indústria desempenha um papel crucial no desenvolvimento do Brasil, sendo responsável por gerar empregos, movimentar a economia e estimular a inovação tecnológica. O crescimento da produção industrial no Nordeste, portanto, é um indicador importante de que a região está se desenvolvendo e contribuindo para a economia nacional.

banner

Um exemplo do desenvolvimento na região é a Dimensão Indústria de Aços Longos e Planos, empresa do Grupo Dimensão, com sede no Maranhão. A fábrica, localizada no distrito industrial de São Luís, possui mais de 50.000m² de área construída e capacidade inicial para produzir até 120 mil toneladas por ano. Inicialmente planejada para atender à crescente demanda das regiões Norte e Nordeste, hoje atendemos todo o Brasil.

“Estamos muito satisfeitos em ver o crescimento da produção industrial no Nordeste, que demonstra a resiliência e a capacidade de adaptação das empresas da região. Esses resultados evidenciam que as indústrias nordestinas, incluindo a Dimensão Indústria de Aços Longos e Planos, estão bem-preparadas para atender às demandas de todo o país, contribuindo para o fortalecimento da economia nacional e para a geração de empregos em nossa região”, afirmou Antonio Barbosa de Alencar, presidente do conselho do Grupo Dimensão.

A expansão da Dimensão Indústria de Aços Longos e Planos destaca a importância da indústria do nordeste para o desenvolvimento nacional, mostrando como investimentos no setor podem gerar resultados positivos, mesmo em um cenário econômico desafiador. A evolução da produção industrial no Nordeste é um sinal promissor para a economia brasileira e para o fortalecimento da indústria nacional.

Posts Relacionados

A riqueza do varejo brasileiro, as tendências, as melhores práticas do mercado você só encontraca na Negócio e Franquia, descubra tudo sobre FRANQUIAS, SHOPPING CENTERS, EMPREENDEDORISMO, GESTÃO, NEGÓCIOS, CULTURA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO E CONHEÇA AS POLÍTICAS PÚBLICAS para o mundo dos negócios.

Copyright @2024 – Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por 77Prime Labs

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais