Home Notícias Corporativas Brasil Startups apoia e participa do Innova Summit 2024

Brasil Startups apoia e participa do Innova Summit 2024

por DINO
0 comentário

A Brasil Startups apoiou e participou do Innova Summit 2024, que ocorreu entre os dias 12 e 14 de junho no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF). Sob o mote  “Inclusão 5.0 – Um Mundo Novo para Todos”, a conferência teve como objetivo promover encontros entre os atores do ecossistema de startups, empresas, governo e diversas áreas correlatas.

Durante o evento, a Brasil Startups teve um stand com ações e prêmios. Além disso, foi responsável pela curadoria de mais de 150 startups que tiveram um stand gratuito para explicarem sobre seu negócio durante os dias de evento

A maior novidade da edição de 2024 foi o Innova Mulher, concebido para fomentar a inclusão de empresas e coletivos liderados por mulheres empreendedoras em diversos setores, ganhou destaque entre as principais novidades da edição de 2024.

O presidente da Brasil Startups, Hugo Giallanza, realizou uma palestra no dia 14 de junho, no Palco Master. No mesmo dia, a gerente de Soluções da entidade, Hannah Salmen, foi responsável por moderar três painéis. Ainda no dia 14, o diretor administrativo da Brasil Startups, Juan Ferreira, conduziu uma palestra em que abordou sobre os impactos da transformação digital para empreendedores. 

banner

Por fim, ainda na sexta-feira, o Projeto Startup Brasília 2030, de realização da Brasil Startups, levou os alunos do CED Vale do Amanhecer, de Planaltina, para conhecerem o Innova Summit.

“Durante quatro anos, a Brasil Startups tem contribuído na correalização do Innova Summit. Todos esses anos, vemos cada evolução e o apetite pelas startups do Centro-Oeste em participar do grande evento”, afirma Hugo Giallanza, presidente da Brasil Startups.

De acordo com a organização, o evento reuniu cerca de 30 mil participantes, contou com mais de 180 palestrantes e 500 marcas envolvidas. Além disso, o congresso gerou 30 mil horas de conteúdo e mais de 150 milhões em negócios. 

Para Giallanza, “um ecossistema precisa promover momentos que contribuem com densidade e acesso à investimentos” e, além disso, “trazer o legislador que mora em Brasília para promover legislações mais coesas com demandas deste setor”.

Posts Relacionados

A riqueza do varejo brasileiro, as tendências, as melhores práticas do mercado você só encontraca na Negócio e Franquia, descubra tudo sobre FRANQUIAS, SHOPPING CENTERS, EMPREENDEDORISMO, GESTÃO, NEGÓCIOS, CULTURA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO E CONHEÇA AS POLÍTICAS PÚBLICAS para o mundo dos negócios.

Copyright @2024 – Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por 77Prime Labs

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais