Home Franquia Grupo Arezzo continua com as compras

Grupo Arezzo continua com as compras

por Rodrigo Campelo

O Grupo AREZZO vai às compras e está num momento de transformação interessante. Vem adquirindo empresas que completam e ampliam o mix de produtos.  Para entender fizemos um levantamento dos negócios que estão sendo trilhados e com isso perceber o tamanho que o Grupo está se tornando.  Em 2019 a empresa controlava as marcas Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever e Alme. 

Carol Bassi mais uma marca do Grupo Arezzo

Neste ano, a Arezzo sinalizou o mercado de luxo comprando a Carol Bassi Brand, A aquisição da marca Carol Bassi, considerada uma das principais de vestuário feminino de luxo do Brasil, foi de R$ 180 milhões. O valor será pago em dinheiro e em ações, com a maior parte da quantia sendo desembolsada em até um ano após o fechamento da operação – outros 40 milhões poderão ser pagos a títulos de earnout, a depender de metas estipuladas entre 2022 e 2025.

A Carol Bassi tem entre seus principais clientes mulheres com mais de 35 anos das classes A e B e, segundo a Arezzo, é muito associada a ocasiões especiais e a festas.  O curioso é que a Carol Bassi tem 55 grupos de WhatsApp que ligam vendedoras com cerca de 8 mil clientes. Desse canal, saem 50% das vendas da marca.

A Guaraná Brasil e a Baw Clothing também são Arezzo

A aquisição da Guaraná Brasil,  que noticiamos ontem, adquirida por R$ 180 milhões de reais, fortalece ainda mais o mix de produtos do Grupo Arezzo.  Outro ponto relevante foi a compra da Baw Clothing, marca especializada no público jovem.  Mas não parou por ai. O ano de 2020 foi muito agitado para o grupo e de lá para cá, muita coisa está mudando.

O que aconteceu nos anos anteriores

Transformação: Grupo Arezzo vai as compras

Em 2019, o Grupo Arezzo controlava 6 marcas,  Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever e Alme, neste ano a Vans passou a fazer parte do portfólio da House Of Brands.

Em 2020 o mercado foi bem movimentado com as ações feitas pelo Grupo Arezzo.  A  aquisição do Grupo Reserva ampliou o número de marcas, uma vez que trouxe as marcas: Reserva, Reserva Mini, Oficina Reserva, Reserva Go, EVA e INK.

Entrou na briga pela sandália de borracha com o lançamento da Brizza em que trouxe a Bruna Marquezine como garota propaganda.  Colocou no ar o portal ZZ Mall,  um e-commerce que reúne algumas marcas da Arezzo&Co, e com a meta de trazer outras grifes nacionais.

Adquiriu 75% do capital social total e votante da TROC, brechó online de roupas e acessórios de luxo. Com a operação, a Arezzo estreia no mercado de artigos de moda seminovos e avalia que sua nova frente de negócio representa um marco importante para a companhia.

E pelo visto, não para por ai, tem muito mais novidades vindo por ai. Ganha o mercado varejista, ganha o ambiente de franquias e toda cadeia envolvida no varejo.

Transformação: Grupo Arezzo vai as compras Se você estiver gostando do conteúdo, compartilhe com seus amigos e familiares e siga a gente nas redes sociais.

A Negócio e Franquia está no Instagram, no Linkedin.  Você pode acompanhar também o nosso canal do Spotify e até mesmo baixar as músicas do Playlist do empreendedor.

Se inscreva no Canal do Youtube e acompanhe a coluna independente na Rádio Super FM.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Ler mais

Don`t copy text!
×

Hello!

Click one of our contacts below to chat on WhatsApp

×